Santander assume folha da Prefeitura

O banco espanhol Santander assume dia 14 de setembro o pagamento dos 11 mil funcionários públicos municipais.

A corporação privada com sede na Espanha já tinha garantido a renovação por 11 anos do contrato de administração da folha de pagamento da Universidade, após um acordo de 7 anos sucedendo o Banrisul.

O movimento do Santander na Prefeitura rompe um ciclo de presença de bancos oficiais, precedido pelo Banrisul, que foi sucedido pela Caixa.

A gestão das folhas de pagamento de instituições de relevante caráter público de Caxias do Sul, tanto do ponto de vista de negócios, quanto da imagem institucional, consolida o propósito da organização, uma das maiores do mundo, de abocanhar a maior fatia do mercado financeiro de Caxias do Sul.

O movimento do Santander significou a perda de espaço os bancos oficiais que, embora mantendo consideráveis resultados em suas operações como revelam os balanços, não estão mais tão capitalizados para lutar pela renovação dos contratos.

Especialistas consultados pelo Tempo Todo sugerem prestar atenção no contraponto: o esforço de crescimento do sistema de crédito cooperativo (Sicredi e Sicoob) na serra gaúcha.

Deixe uma resposta